Saltar para o conteúdo

“Andando ele a pensar nisto, eis que o anjo do Senhor lhe apareceu em sonhos e lhe disse: «José, filho de David, não temas receber Maria, tua esposa, pois o que ela concebeu é obra do Espírito Santo. (Mt 1, 20)

Tal como José, em muitos momentos da vida minha fui desafiado a tomar decisões…

Contudo, por medo ou desconfiança, nem sempre fui capaz de assumir alguns compromissos.

Senhor, ao longo desta minha caminhada de vida, conduz-me através do Espirito Santo, para que eu seja capaz de perceber qual é a missão te tens reservado para mim.

“Bem aventurada a que acreditou, porque se hão-de cumprir as coisas que da parte do Senhor foram ditas” (Lc1, 45)

Maria corre para ajudar Isabel, que está grávida, e que lhe faz esta saudação tão bela!

Bem aventurada, Maria, porque acreditaste, e a tua vida ensina-me a confiar plenamente em Deus!

Bem aventurada, Maria, porque aceitaste, e a tua missão ensina-me a colocar os meus dias nas mãos de Deus.

Bem aventurada, Maria, porque confiaste, e a tua determinação ensina-me a viver sem passividade, sem medo!

Hoje, tomo consciência de como se torna frágil a minha fé sem obras, e tal como Maria partirei ao encontro de alguém  (familiar, amigo…) que precisa da minha ajuda.

“Entretanto o anjo onde ela [Maria] estava disse: «Deus te salve, cheia de graça; o Senhor é contigo»” (Lc 1, 28)

 Estas palavras do Anjo Gabriel estão cheias de força e alento!

Também preciso de ouvir e sentir no meu interior que o Senhor está comigo, principalmente, nos momentos em que o desânimo se apodera dos meus pensamentos.

Hoje, Jesus, vou irei cantar uma canção que me lembre da tua vinda e, embalado pela melodia, sentir o meu coração cheio de gratidão por saber que estás sempre presente!